Servidores merecem respeito

Um País que oferece serviços públicos de qualidade consolida sua democracia e garante desenvolvimento com justiça social. Ao contrário do que dizem alguns críticos, é possível, sim, o Brasil oferecer à sua população serviço público de excelência. Para isso, basta investir nos servidores e na melhoria dos locais de trabalho.

Não podemos esquecer que são os servidores fazem a máquina pública funcionar. Ou seja, garantem que as políticas públicas cheguem até as pessoas que mais necessitam de serviços públicos em áreas fundamentais como saúde, segurança pública, educação, saneamento básico e transporte coletivo.

No governo FHC, houve uma tentativa de desqualificação dos servidores e da prestação de serviços públicos. A equipe econômica da Era Tucana queria convencer a sociedade brasileira de que o melhor para o País era entregar as áreas que prestam serviços essenciais como saúde e outros para a iniciativa privada. Esses, sim, com competência para atender à população, diziam. Só não diziam o preço que cada cidadão teria de pagar por isso. Era a teoria do “estado mínimo” que os intelectuais chamam de “neoliberalismo”.

Durante os oito anos do desgoverno tucano, o servidor que se aposentava,  mudava de emprego ou até os que morriam, não eram substituídos. Não foi realizado concurso público neste período. Aumento de salário, então, nem pensar. Os prédios onde funcionavam os serviços de atendimento a população como Agências do INSS, Escolas, Hospitais e Delegacias do Trabalho tinham goteiras, banheiros entupidos, escadas e elevadores quebrados.

Enquanto a prestação de serviços fundamentais se deteriorava, a mídia aproveitava para fazer reportagens mostrando como isso era ruim para população. E tome imagens de pessoas com deficiência, doentes e idosos sofrendo para conseguir atendimento nas agências do INSS, hospitais etc. Os servidores eram mostrados como ineficientes e desinteressados.

O que ninguém mostrava, eram servidores compromissados com a missão que exercem, e que prestavam os serviços apesar das situações de precariedade.

Os investimentos nos últimos anos – em reforma e inauguração de novas unidades, cursos de qualificação profissional, além dos concursos públicos – estão começando a mudar o quadro. Nunca mais, por exemplo, vimos reportagens feitas durante a madrugada nas filas do INSS.

Servidor público competente, bem remunerado, tratado com respeito e dignidade é um trabalhador extremamente compromissado com a sua missão de servir ao público e contribuir para a transformação do nosso país.

Feliz Dia do Servidor, companheiros e companheiras! Esse, como os outros dias do ano, é mais um dia de luta pela valorização da categoria.

 

 

 

 

 

Anúncios
por vagnerfreitascut

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s