Golpistas querem que mulheres do campo trabalhem até morrer

 

Eles sabem que, se reforma da Previdência for aprovada, a maioria vai morrer antes de se aposentar

A última investida exterminadora dos golpistas chefiados por Michel Temer é, novamente, contra a classe trabalhadora. Agora, estão dizendo que 80% dos trabalhadores cumprirão regras mais duras para se aposentar, querem acabar com as regras que diferenciam a aposentadoria de mulheres, inclusive as rurais, e professores/as.

Matéria do jornal o Globo desta quarta-feira, trás mais uma notícia ruim, especialmente para as mulheres que trabalham no campo: Se a proposta for aprovada, a idade mínima das trabalhadoras rurais, que hoje podem se aposentar aos 55 anos, subirá a cada OITO meses, até chegar aos 65 anos. Eles não sabem porque não conhecem o Brasil muito menos o povo, mas além do trabalho no campo, sob sol e/ou chuva, as trabalhadoras rurais, como a  maioria das mulheres, gastam outras 24 horas por semana apenas em afazeres domésticos. Portanto, não podem ser comparadas as trabalhadoras europeias ou norte-americanas. Dizer para a imprensa que só no Brasil tem diferença da idade de aposentadoria para homens e mulheres no Brasil sem considerar as condições de trabalho e de vida aqui e lá fora é manipular a opinião pública de maneira bem sem vergonha.

Temer e sua turma estão atacando o maior programa social do Brasil, a Previdência Social. Sem ela, ou com regras que dificultam os mais pobres a se aposentar, teremos mais pobres no Brasil. Segundo o IBGE (PNAD-2014),  sem a Previdência Social, o país teria 25 milhões a mais de pobres. No campo, a taxa de pobres é 49% da população, sem a Previdência seriam 67% da população rural.

É isso que eles querem! A volta do Brasil no mapa da fome, a população cada vez mais pobre que se sujeitará a qualquer tipo de trabalho para ter alguma renda. O que os golpistas querem mesmo é facilitar e aumentar a exploração da classe trabalhadora.

É inacreditável, mas até o PSDB, partido criado pela elite de São Paulo que  não entende – e não gosta – do povo, está preocupado com o ajuste fiscal do interino golpista, Michel Temer. Segundo nota de um colunista do Globo de hoje, tucanos disseram que “o cidadão brasileiro não é prioridade do ajuste fiscal” que está sendo promovido pela equipe econômica interina.

Eles estão investindo com tanta força contra o povo brasileiro que a impressão que tenho é a de que querem exterminar os pobres e os/as trabalhadores/as que mais necessitam de políticas públicas e de Previdência Social.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s